Mônicas deformadas nos muros das escolinhas

As mônicas deformadas nos muros das escolinhas  são monstruosas.

Elas marcaram minha memória com sonhos intranqüilos. Talvez eu tenha optado pela profissão do artista no intuito de corrigir tanta barbaridade. Sempre que eu passava pelo muro de alguma escolinha e me deparava com uma Mônica deformada minha vontade era parar tudo e repintar o muro.

Não precisaria ficar lindo. Bastaria se não fossem tão horripilantes. Porque alguém teria gastado tempo e dinheiro para fazer algo como aquilo? Até um suprematista russo qualquer faria melhor pintura.

Eu teria de descobrir uma outra forma de conviver com esta loucura.

Uma avalanche de Mônicas deformadas

Eu nunca repintei esses horríveis personagens das portas das escolinhas. Seria impossível remediar o irremediável e conter esta verdadeira avalanche de feiura. A vida seguiu. No ano de 1998, porém, uma assombrosa imagem surgiu na minha frente. Era ela, mas em versão piorada. Sim, eu mesmo havia pintado uma Mônica deformada. Foi como anos de terapia transcorridos em uma fração de segundo. Não pude repintar todas as Mônicas do mundo, mas fiz com que elas, por comparação, se tornassem mais belas.

Quem poderia imaginar que a Mônica deformada poderia ser ainda mais feia?

Veja com seus próprios olhos:

Pois que me vi diante de uma super-comédia, gênero que o próprio Aristóteles desconheceu.

É algo maravilhoso que esta antiga aquarela esteja disponível para a impressão no sítio do Passarinho Colorido.

Creio que seja do interesse de todos, pois que o ser humano tem prazer em contemplar imagens bizarras quando em exatas reproduções. Sendo você filósofo ou não, encontrará grande satisfação em contemplar nossa “Mônica”  a partir do conforto de sua residência, sem ter de se perder pelos trágicos muros das escolinhas infantis.

Eis que me aprofundando nessa apaixonante pesquisa descobri uma página de Facebook que reúne uma impressionante coleção de Mônicas, a  “Mônicas deformadas nos muros das escolinhas“. Nós do Passarinho Colorido recomendamos fortemente esta leitura.

É bom notar que o mundo está concertado.

 

 

Uma resposta para “Mônicas deformadas nos muros das escolinhas”

Deixe uma resposta